PSA Mangualde celebrou o Centenário Citroën, com o desfile de dezenas de viaturas clássicas!

27 de julho volta a ficar na história da PSA Mangualde! No dia em que se assinalou os 29 anos da produção do último 2CV a nível mundial, foi também o dia da comemoração dos 100 anos da marca Citroën. Mais de 60 viaturas clássicas desfilaram pelas ruas de Mangualde e abrilhantaram a festa do Centenário!

Neste evento, que vai ficar na memória de quem o presenciou, estiveram em destaque os exemplares fabricados na fábrica portuguesa do Groupe PSA, como os icónicos Citroën DS, Mehari, FAF e AMI, os inesquecíveis Dyane, Visa, CX, AX, Saxo ou o eterno Citroën 2CV.

Do desfile fizeram também parte o raríssimo Citroën DS Henri Chapron Palm Beach (único exemplar no nosso país e 1 dos somente 30 unidades produzidas) e um carro dos Bombeiros de Cacilhas de 1931, entre outros exemplares, cada um deles com uma ou mais histórias para contar. O mais antigo veículo a participar foi um AC4 de 1928, que ocupava a posição nº1 do desfile, que percorreu as principais ruas da cidade de Mangualde.

Alguns colaboradores da fábrica que já produziu mais de 1 milhão de unidades Citroën, tiveram a oportunidade de participar, fazendo o desfile nos veículos mais icónicos da marca. O desfile começou nas instalações da PSA Mangualde e acabou no centro da cidade, onde ficaram depois expostos todos os modelos, ilustrando alguns exemplares destes 100 anos (de 1919 a 2019) de produções do visionário André Citroën e dos seus sucessores.

Quem passou por Mangualde, pode ver também uma exposição histórica da PSA Mangualde, retratando os principais acontecimentos ao longo destes 55 anos de produção, exemplares de street food, construídos sob imagem Citroën, provas de vinhos e animação musical. Neste último contexto destaque para a Banda Filarmónica de Lobelhe, o mesmo grupo que atou na fábrica neste mesmo dia, há 29 anos, quando a 27 de julho de 1990 saiu da linha de montagem o último 2CV produzido a nível mundial.

Esta celebração começou com a inauguração de uma placa comemorativa na rotunda do Citroën 2CV, na entrada de Mangualde, que contou com a presença do Presidente da Câmara de Mangualde, João Azevedo e do Diretor da PSA Mangualde, José Maria Castro Covelo. Nesta ocasião, José Maria Castro afirmou: “A marca Citroën deu-nos o início da história da fábrica e queremos dar continuidade a esse legado. Para isso temos de ser competitivos e flexíveis para assegurar os possíveis investimentos de futuro que possam surgir para a PSA Mangualde”.